BLUE NAS REDES

converse com um consultor (11) 3805-5074 Escritórios

28.05.2021

Rodrigo Carvalho - Redator da Blue

Covid-19: Governo irlandês aprova nova flexibilização das restrições

O Primeiro-Ministro irlandês Micheál Martin anunciou hoje (28/05) várias medidas para permitir uma nova reabertura gradual da sociedade e da economia da Irlanda ao longo do verão.

Entre as principais mudanças, vale destacar:

 

2 de junho

 

·         Reabertura de serviços de hospedagem (hotéis, pousadas, acomodações, Airbnb)

 

7 de junho:

 

·         Pubs e Restaurantes poderão atender ao ar livre;

·         Reabertura de cinemas e teatros;

·         Academias, piscinas e clubes estarão liberados para atividades individuais;

·         Casamentos poderão receber até 25 convidados;

·         Eventos organizados com capacidade de até 100 pessoas poderão ser retomados (ou 200 pessoas em locais com capacidade superior a 5000 pessoas);

·         Será permitido visitar uma família em ambientes fechados

 

Também estão previstas mais flexibilizações para o mês de julho, a depender do panorama dos casos de COVID-19 no momento:

5 de julho

 

·         Pubs e Restaurantes poderão atender em seu ambientes internos;

·          Casamentos poderão receber até 50 convidados;

·         Até 3 famílias poderão se reunir em ambientes fechados;

·         Eventos internos poderão ocorrer com até 50 pessoas em locais pequenos e no máximo 100 pessoas em locais maiores, onde seja possível manter o distanciamento de 2 metros;

·         Retomada de Eventos abertos para 200 pessoas (ou 500 pessoas em locais com capacidade superior a 5000 pessoas)

·         Treinamentos e atividades de dança poderão recomeçar em grupos de até 6 pessoas;

 

19 de julho

 

O governo Irlandês começará a exigir o Certificado Digital contra a COVID da União Europeia para viagens internacionais. O certificado deve atestar que o passageiro:

- Está vacinado contra a COVID-19

_ Recuperou-se da COVID-19 nos últimos 9 meses;

= Possui um teste PCR negativo nas últimas 72 horas anteriores ao desembarque.

 

Com isso, as viagens não essenciais voltariam a ser autorizadas, valendo para viagens dentro da União Europeia. Aqueles que não apresentarem o Certificado Digital deverão cumprir quarentena obrigatório no destino escolhido.

 

Vale lembrar que o Brasil ainda faz parte da lista de países considerados de alto risco e, portanto, ainda não está incluído nas regras mencionadas acima.

 

Mantenha-se bem informado sobre a flexibilização em nossos destinos através do Blog da Blue, nossos perfis nas redes sociais ou diretamente com o seu Consultor Blue.


 Imagem: irishmirror.ie

 


VOCÊ TAMBÉM PODE SE INTERESSAR

  • 22.06.2021

    Rodrigo Carvalho - Redator da Blue

    IRLANDA: McDonald’s anuncia a criação de 800 novas vagas de emprego em todo o país

    O McDonald’s anunciou um plano para criar 800 empregos em seus restaurantes na República da Irlanda este ano, expandindo sua força de trabalho no país para quase 6.000 funcionários.&...

    LER MAIS
  • 15.06.2021

    Rodrigo Carvalho - Redator da Blue

    IRLANDA DISPENSA NECESSIDADE DE VISTO PRÉ-EMBARQUE PARA BRASILEIROS

    A Ministra da Justiça da Irlanda Heather Humphreys anunciou na manhã de hoje (15/06) a flexibilização das restrições temporárias em relação aos vistos. A mudança entra em vigor a par...

    LER MAIS
  • 09.06.2021

    Rodrigo Carvalho - Redator da Blue

    O recomeço já é realidade: saiba como os nossos destinos estão superando os desafios da pandemia

    Depois de quase dois anos de muitas restrições e incertezas, finalmente, vários países europeus têm alcançado ótimos resultados no enfrentamento à pandemia. Graças a medidas ené...

    LER MAIS
FALE CONOSCO